Acerca de mim

A minha foto
Tudo o que quero e não posso, tudo o que posso mas não devo, tudo o que devo mas receio. Queria mudar o Mundo, acabar com a fome, com a tristeza, com a maldade.Promover o bem, a harmonia, intensificar o AMOR. Tudo o que quero mas não posso. Romper com o passado porque ele existe, acabar com o medo porque ele existe, promover o futuro que é incerto.Dar vivas ao AMOR. A frustração de querer e não poder!...Quando tudo parece mostrar que é possível fazer voar o sonho!...Quando o sonho se torna pesadelo!...O melhor é tapar os olhos e não ver; fechar os ouvidos e não ouvir;impedir o pensamento de fluir. Enfim; ser sensato e cair na realidade da vida, mas ficar com a agradável consciência que o sonho poderia ser maravilhoso!...

terça-feira, 22 de novembro de 2011

SAUDADES!...

             

Saudades! Sim… Tenho saudades!
Não do passado, tempo presente,
Mas do presente, tempo passado.
Das recordações de grande felicidade,
Dum passado para sempre ausente,
Por muito amar e ser amado.
Saudades! Talvez!... Recordação!
Pelo o que trago no coração…
Recordar o passado presente
Na memória do esquecimento
Procurar lembrar, esquecendo.
E com isto ficar contente,
Aceitando um sentimento
Que o passado trás recordando,
A dor que o coração sente.
O que penso, não sei se penso!
Ou outro pensa por mim!
Ao Mundo peço consenso,
À miséria exijo seu fim!...
Crianças que morrem sem pão,
Abraçando uma extrema pobreza,
Ao Mundo estendem a mão,
Apresentando a sua magreza.
Saudades! Sim… Tenho saudades!
Do passado tempo distante,
Dum futuro com felicidade,
Para os povos da Terra amante.
Acabar com as desigualdades
Entre ricos e pobres do presente,
Que no passado foram iguais,
Sem haver outra nacionalidade,
Frutos da mesma semente,
Filhos dos mesmos pais.
       (Adão e Eva)
FIM


Sem comentários:

Enviar um comentário