Acerca de mim

A minha foto
Tudo o que quero e não posso, tudo o que posso mas não devo, tudo o que devo mas receio. Queria mudar o Mundo, acabar com a fome, com a tristeza, com a maldade.Promover o bem, a harmonia, intensificar o AMOR. Tudo o que quero mas não posso. Romper com o passado porque ele existe, acabar com o medo porque ele existe, promover o futuro que é incerto.Dar vivas ao AMOR. A frustração de querer e não poder!...Quando tudo parece mostrar que é possível fazer voar o sonho!...Quando o sonho se torna pesadelo!...O melhor é tapar os olhos e não ver; fechar os ouvidos e não ouvir;impedir o pensamento de fluir. Enfim; ser sensato e cair na realidade da vida, mas ficar com a agradável consciência que o sonho poderia ser maravilhoso!...

terça-feira, 3 de janeiro de 2012

ÚLTIMO BEIJO

       

Junto o meu triste pensar,
Ao horizonte da minha alma.
Procuro conjugar o verbo amar,
Na prolongada noite calma.
Na linha do horizonte não te vejo!
Teu sorriso procuro achar,
Nas águas revoltas do meu mar.
No doce sabor do teu beijo,
Procuro o teu olhar.
Teu corpo quente recordo,
Entre os lençóis da minha cama,
No triste momento em que acordo.
O meu corpo, o teu suor reclama.
Sonho!...
Sonho acordado contigo.
No horizonte encontro teu rosto,
Molhado com minhas lágrimas.
Os traços de saudades contido,
No doce sabor do meu gosto,
Recorda o teu último beijo.
FIM
Carlos Cebolo

Sem comentários:

Enviar um comentário